sábado, maio 26


Até Parece

É sempre muito bom estar entre amigos,
a conversa é boa, a festa é animada,
o estar junto principalmente depois
de uma jornada de trabalhos, estudos,
de stress, é muito gostoso, hoje foi
um dia muito bom, reencontro,
esclarecimentos conversas, brincadeiras e
até desentendimentos, mas não pode ser
compado com nada... tivemos inclusive
a presença de alguém que até o momento
era inacessível, realmente não tenho do
que reclamar do dia de hoje, a não ser do
aperto do peito, da insistente ausência,
do insatisfação de desejar outra coisa,
de quer ardentemente estar ao lado de outras
pessoas, de ter no peito um fogo incomum, um desejo
de algo que ali faltava...A conversa rolou
animada e abertamente, não há meio termos entre
os colegas, tudo é colocado abertamente...
tocam em um assunto que ainda dói...
A ferida lateja...
O desejo reascende...
A saudade se faz presente...
Logo a conversa muda o rumo, creio que percebem a
inquietação que aquilo causou...
Muda tudo, novas brincadeiras, novas conversas,
novos sorrisos, mas em meu peito queima aquela
lembrança amarga e gostosa de tempos passadas,
tempo que eu tinha pra quem voltar, tempos
que eu tinha alguém que me aguardava,
tempo que eu tinha alguém para dividir
minhas idéias, meus sonhos e minhas aspirações,
tomo mais um copo,
mas dois,
mas três,
perco as contas...
Não sei, mas onde estou,
Sei apenas que aqui arde um amor!



Escrito em meio a desvaneios causados pelo álcool

e ouvindo Até parece de Marisa Monte
Elza Santos

13 Fazendo tudo:

Bella...=^.^= disse...

Oie... to passando por aki pra te convidar para um desafio.
Escrever sobre 7 coisas, qualquer coisa. Passa la no meu blog e confira...

bjusssss

Ana Luíza Catabriga disse...

NOssa isso sim que é desejo
Um desejo bunito =)
Ja tive desejos assim ^^
Bjo grande!
Aki como sempre,mto legal!

Carol disse...

Hummm, gostei do que lí.
Eu sou masoquista sabia?
lendo seu post sobre as pessoas mudarem o assunto... eu pensei: Putz, adoro cutucar minha ferida... remoer, morrer de saudades, chorar rios... Eu hein, acho que não sou normal não... hehehe

Obs: Adoro a música que vc estava ouvindo. Ouvi Marisa hoje o dia todo.

Fabiano Roberto disse...

as vezes alguém pra voltar faz falta
uma musica do Cazuza diz mais ou menos o seguinte: quando alguém parte é pq outro alguém vai chegar...
e a vida é isso mudar e aprender, pois a maioria das coisas não são para sempre.

Cris Shoo shoo disse...

Serio?
MAs vc chegou a dar o play no set? Tem uma musica, a just like honey, que é de um filme da Sofia copola... bj

orlando camargo disse...

quanta saudade...

bom gostar de alguém, ruim sofrer por alguém... mas fazer o q?


é a vida...


bjs!

malfardado disse...

Eta coraçãozinho inquieto, ate parece o meu.

..::N@T::.. disse...

realmente é muito bom estar entre amigos.
bjs.te+

Marcelle disse...

Desejo... lindo desejo de amor... Gostei de como vc escreveu, de como vc expressou estar feliz e ao mesmo tempo, com o peito apertado. Bjooo!

Daniella Living disse...

Estar em companhias agradáveis deveria ser um direito constitucional previsto na Constituição da República Federativa do Brasil e reforçado na Declaração dos Direitos Humanos, fala sério, tem coisa melhor?!

Bjs!

Mariposo-L disse...

Amiga, esse seu post 86ºGL ficou muito legal, mas estae entre amigos é muito bom mesmo . Depois vou te passar uma serie nova muito legal .

Um beijão 86ºGL

Bravo disse...

Olá... depois de um tempão sumido, volto a dar minhas Xinaipadas por aqui.

Beleza de texto, pena o sofrimento!

Beijos.

R Lima disse...

Quisera eu saber de fato quais técnicas uso.. aí sim catalogaria para você e te dava de presente.. só para te fazer feliz..

E é afinal o que tanto queremos.

Obrigado sempre pela visita ao meu blog..

Força aí moça que tudo passa.. mais cedo ou mais tarde.. essa ferida que lateja será somente uma cicatriz.. resignada.

Abraços.

Diseño original por Open Media | Adaptación a Blogger por Blog and Web