quinta-feira, março 29


Eu gosto do seu corpo

Eu gosto do que ele faz

Eu gosto de como ele faz

Eu gosto de sentir as formas do seu corpo

Dos seus ossos

E de sentir o tremor firme e doce

De quando lhe beijo

E volto a beijar

E volto a beijar

E volto a beijar



E. Cummings


2 Fazendo tudo:

Júh Kieer disse...

Adorei o seu blog!
muito lindo esse poema! x)
que legal, eu nunca tinha conhecido uma les bloguera!
adoroo
vou te linkar!

beijos linda!

Angelika Pimenta disse...

Cummings!!!!!


E em outra parte,a carta de amor,ridícula,o contexto de transição de Pessoa para ua carta anônima e ao memso tempo de identidade multipla,para nós todas,mulheres,amantes,namoradas...

Onoe do blog tb...muito 'casado' com a idéia geral!

parabéns,hem?

tbm adorei,genial o 'eleita por unanimidade de mim mesma...'
(comentei td de ua vez...rs)

bjo,até breve Elza,adorei seus posts e o blog todo.

Diseño original por Open Media | Adaptación a Blogger por Blog and Web