Primeiro Amor

sábado, setembro 8

Quando se trata de primeiro amor, todos têm belas recordações, uns dizem que foi mágico, outros vibram ao falar, eu, por exemplo, tive ótimos momentos, foi uma linda descoberta, tínhamos quase a mesma idade, 13 anos eu e ele 14, a família dele era ótima, namorávamos na casa dele porque meu pai não suportava saber que menina dele já estava deixando de ser menininha, e me proibia de falar com ele, claro que tudo que é proibido fica melhor, e assim era uma aventura entrar na casa dele sem meu pai ver, ou sentir minha falta em casa, éramos grudados, muito carinho, muitas descobertas muito amor...


Depois de muita paixão ardendo, de muitas juras de amor, a família dele decide voltar para São Paulo que é seu estado de origem, quase morremos de chorar juntos, era uma dor tão grande que nada mais fazia sentido, minha mãe não sabia mais o que fazer comigo, meu pai ficou em desespero pelo meu choro constante, chegou a ir falar com a família dele para ver se não tinha a possibilidade deles não irem embora, mas nada feito.

No dia marcado para a viagem, foi como um funeral, fizemos o trajeto até a rodoviária aos prantos... A caminhada dele até o ônibus parecia que estava sendo para um paredão de fuzilamento, horrível...

A volta para casa foi uma das piores que fiz até hoje, um peso enorme em meus ombros, coração dilacerado...

Foi uma noite impossível de dormir, a semana cheia de fantasmas..

Por um tempo trocamos cartas, juras e mais juras de amor, mas com um tempo passando rápido, os sentimentos se acalmaram, e o esquecimento chegou, nunca mais tivemos contato...

O tempo passa para tudo, o esquecimento apaga todo mal causado pelos amores não vividos..

35 Fazendo tudo:

helena disse...

Pois é elza.... com essa idade o amor parece-nos sempre eterno, não é?
Tá lindo, dizes tudo o que sentes de uma maneira super sincera e directa...
Tens imenso jeito para escrever o que te vai na alma.

beijito

Cor de rosa e carvão disse...

Oie guria. Bom saber que o tempo passa tudo e nos faz esquecer inclusive um amor. Preciso que o tempo venha rápido para que eu esqueça o meu amor. Bjo e bom domingo.

Gui ¬¬ disse...

nossa...quase chorei...
tão emocionante! puxa puxa puxa

ainda não tive meu primeiro amor óóóóó

quer dizer, tive vários, sou hiper inconstante, mas nenhum correspondido :/

mas mas
um dia virá eu tenho fé

beijo beijo!!!

Mara* disse...

O meu primeiro amor quis o destino que se perdesse. O meu grande amor, esse ficará eternamente preso em minhas lembranças, enlaçado em meus sonhos, rodando no pensamento em eterna dança. Uma ótima semana para todos.

Iara disse...

Olá amiga tudo bem? Sou do Blog Entre Amigos e vim te informar que você está concorrendo ao Destaque da Semana através de voto. Hora de você conquistar votos dos amigos e dos novos visitantes. É um modo divertido de fazer novas amizades. Boa sorte amiga!
Olha o seu post está emocionante, amei!!!!
Bom domingo. Beijos

R Lima disse...

Certamente tudo passa.. tudo se apaga do presente, para virar somente uma doce lembrança.

E como diria meu mestre Banden Powell "amor só é bom se doer"...

Bjs,


[ http://oavessodavida.blogspot.com/ ]

O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

avelaneiraflorida disse...

O primeiro amor sempre fica!!!!!

mesmo que a vida proporcione outros encontros e desencontros...

N�o h� quem se esque�a da primeira vez que o cora�o bateu de maneira diferente...

Bjks

JuJu disse...

Minha cara, tendo essa experiência em sua biografia, você bem que podia escrever um romance... e daqueles!
Passe lá no meu blog e deixe seu comentário!!!

Naiara P. disse...

ai que lindo!!
é o tempo é foda.pensando bem ele que manda na nossa vida não é...

ha até+...

orlando camargo disse...

que bonitinho!!!!


hehehehe

bjs!

●๋•Princesa de Sal●๋• disse...

nhhaaaa
tava sumida sim mais jah voltei ó!
hauahuahuahuah
linda a história do seu primeiro amor viu?
coisa para se contar para os netos!


bjussss

Tavareli disse...

Legal sua história, neste momento estou gostando muito de uma pessoa e espero ser correspondido, pq se nao quem vai sofrer vai ser eu..

Abraço

Cris Penha disse...

Amo o meu primeiro amor até hj!!

Ele é um homem tão especial, tão amigo, que fico muito feliz por ele ter sido meu primeiro amor. Pena que não deu certo. Desejo tanta coisa boa para ele... ele realmente fez a diferença em minha vida!


Bjos

Slim Shady disse...

O primeiro amor é marcante sim,tanto se foi bom ou não.
No meu caso,eu não tive tanta sorte,eu anmorava com alguém que eu gostava,mas levei um belo pé na bunda,e hoje me arrpendo,por ter amado tanto alguém.

Não sou o primeiro,e nem o ultimo.

Cadinho RoCo disse...

O amor desde cedo experimenta nossas vidas.
http://cadinhoroco.loginstyle.com

Gonçalo de Assis disse...

Oi minha querida o primeiro amor é sempre o mais belo de todos os amores que a vida nos dá. Por muitos amores que a vida ainda nos conceda o primeiro será sempre lembrado com nostalgica saudade e isso o faz ser o mais belo. Um beijo com carinho e uma semana repleta de sorrisos

Zé Luiz Sykacz disse...

Olá moça...
Valeu pela visita ao meu humilde blog!
Enfim, celulares à parte, adorei seu site. Bem bonito e repleto de textos pessoais... muito bom.
Em relação a sua desventura amorosa, acho que todos nós temos esses momentos. Faz meio que parte da cartilha da vida. A parte boa é que se temos lá nosso fracassos românticos, certamente também teremos nossos "contos de fada" bem sucedidos.
Enfim, parabéns pelo espaço!
Si cuida!
Beijos!

Miri disse...

Todo pasa, el tiempo lo cura todo, y Díos nos muestra el camino para que podamos ver dónde está la luz.
Espero me entiendas lo que te escribo,yo sí te entiendo, viajé mucho a Brasil pero ya hace mucho y me falta práctica.
Si querés te invito a pasar por mi blog.
Te dejo un beso muy grande.

Carol disse...

Primeiro amor marca muito né?
A gente acha que vai morrer qd por algum motivo temos que nos separar...

Meu primeiro amor hj está comigo, mas vivi mals dias esperando....


beijos

Alle Nascimento disse...

''todo mal causado pelos amores não vividos...'' - que é o mais triste.

Adorei o texto!

abç

Lua Durand disse...

é sempre assim.

belo texto Elza, beijos

Tatty disse...

Oi amiga, vim te desejar uma ótima semana ...

Bjus no coração!!!!

Girassol disse...

Com 13 anos achamos que tudo é eterno, mas a vida ensina-nos que todas as coisas têm um tempo próprio para começar e acabar.

Todos temos recordações suaves dos primeiros amores. Aqueles com os quais descobrimos um sentimento novo, com quem dividimos sonhos e inocência. =)

Beijo.
Boa semana.

Gli disse...

Tão lindo! Me pareceu tão inocente e verdadeiro! O tempo faz com que nos esqueçamos, mas o destino as vezes nos lembra, vai que se reencontram?!

Eu estou vivendo minha paixão agora com quase 18 anos, lá pelos 12 achei que gostava e depois de poucos descobri que nem era verdade! auahahaushasuahs

Mas foi bom porque hoje eu sei o que é gostar de verdade.

Beijoo!! =***

nana' hayne disse...

Oi Elza,

Discordo de muitos que dizem que o primeiro amor, jamais se esquece...eu acho que nenhum dos amores que se tem nesta vida é possível esquecer...Sim, pq tem pessoas que dizem tb que só se ama de verdade uma vez...amei muitas vezes e todas elas foram de verdade, tenho certeza :)

Tanto que a cada amiga que eu via sofrendo por ter terminado um namoro eu dizia:
"Olha dói, dói sim e muito, mas a única certeza q tenho é que passa"

Linda sua história!

bjs

Marcus disse...

O ruim é quando o primeiro amor não vai embora... "ou não" hehehehe

=]

Pathy disse...

Eu só não sei qual foi meu primeiro amor, se é que ele já chegou...
é esse o risco de acabar tornando-se fria demais.

Pa[†φ] BEiJo disse...

puts q massa esse post, nossa, amei, eu lembro meu 1° amor, eu estava na 3° serie, gostava de um coelguinha, acho q ate hoje ele não sabe q eu gostava dele...¬¬

é a vida... mas q fofo^^

bjus
quem sabe a vida não o traz de volta? "o tempo passa, o mundo gira e ate as pedras podem se encontrar"

O Profeta disse...

Na quietude da manhã
Vi nascer um novo dia
Quebra-se o encanto da noite
Tenho o silêncio por companhia…

Boa semana


Uma nota de encanto em teu rosto

carol devacata/ no princípio disse...

elza elza vlw o coment..
hm tabém gosto de bethania..
er andei lendo seu profile.


eu acho que se eu ou meu namorado fosse pra outra cidade, eu me jogaria da ponte, num sei ele, mas bah ele ia ficar mal...
eh ruim isso de depender dos outros
mas ao mesmo tempo é ma-ra-vi-lho-so.

eh tipo o preço qeu se paga por se entregar totalmente.

se entregar eudigo eh, entregar o coração certo.

eu não choro por sexo..
hauhauha

mas pow dexa eu ir que tenho que peesquisar coisas sobre filosofia .. piratariall.. essas coisas polêmicas...

bju

mymind disse...

o 1º amr é smp ineskecivel, n k os outrs tb n sejam, mas é um nova experiencia, td é novo e parece durar eternamente!
=)
bjinhos

Claudete disse...

1. Só Jesus salva.
2. Jesus deleta os pecados e instala Seu perdão.
3. Contra o vírus do pecado,
há somente um crossware:(pegou??) Cristo.
4. Digite "fé" e tecle "enter".
5. Mande um e-mail para Deus: ore!
6. Se o pecado deletou sua vontade de viver,
não se desespere.
Sempre é possível resetar a tristeza,
reinstalar a fé e utilizar o programa perfeito:
Word de Deus.
7. Deus conectou-se ao mundo em banda
tão larga que enviou Seu Filho
(licenciado exlusivamente), para que todo
o usuário da fé não seja formatado,
mas baixe a vida sempre on-line.
bjokas

Lusófona disse...

Amores não vividos? Penso que tudo o que sentimos é vivido sim, pode não ser partilhado, mas acho que vivemos tudo que sentimos....

Que triste história!! Ainda bem que passou (?)

Beijinhos

Mariposo-L disse...

O primeiro amor para mim foi o melhor , mas também foi a 1 perda que também foi a pior.... hoje em dia dou boas gargalhadas quando me lembro ...

Um beijão

Xicolovic disse...

Se pensam que sao so as raparigas que sofrem. Eu conheci o meu primeiro amor quando tinha 12 anos e pronto nem vale a pena dizer o resto.Fui timido o suficiente para nunca ter feito nada, mesmo sabendo que essa pessoa sentia o mesmo por mim. A minha unica reacção foi mandar um papel a dizer que gostava dela. Sempre a evitei e no fim acabei por saber que ela tambem gostva de mim. que historia agora tenho pena de nunca ter agido

Diseño original por Open Media | Adaptación a Blogger por Blog and Web